fbpx
15 jun

Aditivos plastificantes para concreto seco: porque e como utilizá-los?

O concreto seco (conhecido também como concreto farofa) apresenta como característica o baixo teor de umidade e, consequentemente, formação de pouca quantidade de pasta na mistura.
Além da granulometria bem distribuída, o uso de aditivo na sua produção mostra-se de grande importância para suprir essa pouca quantidade de pasta, pois o aditivo atua junto com o cimento promovendo a união dos agregados e o fechamento dos poros, melhorando a trabalhabilidade da massa, aumentando a resistência da peça e reduzindo a permeabilidade da água.

O que são aditivos plastificantes e por que utilizá-los?

Os aditivos plastificantes para concreto seco são desenvolvidos pensando nas necessidades de cada tipo de produção: para peças que são fabricadas em máquina vibro-prensa ou em máquinas extrusoras.

No primeiro caso, os equipamentos vibro-prensa, que produzem blocos de concreto, pavers e tubos de concreto, o aditivo tem por finalidade principal aumentar a resistência da peça. Este ganho de resistência varia em função das diferenças entre os equipamentos e os agregados, mas de modo geral, o ganho pode chegar a 10%, possibilitando a economia de cimento.

No caso das telhas de concreto, produzidas em máquinas extrusoras, o objetivo do uso do aditivo é a melhorar o acabamento e principalmente reduzir a absorção de água e, consequentemente, evitar que a água permeie pela telha.

Outros benefícios que o uso dos aditivos plastificantes para concreto seco podem proporcionar são o maior realce das cores em peças pigmentadas, a redução da eflorescência nas peças além do menor do desgaste e manutenção dos equipamentos.

É importante reforçar que os aditivos desenvolvidos para concreto seco não devem ser utilizados em concretos com teores maiores de água (concreto plástico), pois atuam de forma diferente, prejudicando o concreto.

Como utilizá-los?

Os aditivos plastificantes para concreto seco devem ser adicionados na mistura da massa seguindo as orientações de dosagem de cada produto. A forma de dosar o produto na massa depende das condições de cada fabricante, podendo ser dosagem manual ou automatizada (via dosador).

Sempre deve realizar a diluição prévia do aditivo em no mínimo dez vezes a quantidade de água antes de ser colocado na massa. Outra orientação importante é que a massa, após estar com toda água adicionada, deve permanecer em mistura por pelo menos 60 segundos para total dispersão do produto.

Reforça-se que o uso em excesso do aditivo pode causar efeito inverso ao desejado. Isto ocorre porque o excesso de produto obriga a redução de água na massa devido ao efeito plastificante que o aditivo proporciona. Com a carência de água, o cimento não preenche bem os espaços entre os grãos de areia, ocasionando canais contínuos, por onde a água permeia, além de prejudicar a compactação da peça.

 

A Tecnomor atua com uma linha completa de aditivos plastificantes para concreto seco. Quer saber mais? Entre em contato conosco ou acesse nosso site e conheça nossas opções de aditivos plastificantes.

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe em suas redes sociais. E não deixe de acompanhar nossas dicas e novidades através de nosso Facebook e Instagram.

NEWSLETTER

Receba nossas novidades e conteúdos por e-mail.