fbpx
19 jun

Conheça as possibilidades da construção modular

Se há um objetivo que fica a cada dia maior, com certeza estamos tratando da busca pelos resultados mais rápidos possíveis — em qualquer que seja a área de atuação. Isso porque uma entrega ágil permite que mais serviços sejam feitos em um curto período de tempo, o que, por sua vez, aumenta os lucros. No setor construtivo, isso também é uma realidade, e foi ela que fez surgir a construção modular.

Caso você nunca tenha ouvido falar neste conceito e não sabe muito bem do que ele se trata, não se preocupe! Na sequência do texto que a Tecnomor preparou para você, nós te explicamos o que é a construção modular, listamos suas vantagens e, por fim, mostramos as principais situações em que ela pode e costuma ser aplicada.

Continue a leitura e confira!

 

O que é construção modular?

Construção modular, como o próprio nome sugere, é um método construtivo feito a partir do uso de módulos, ou seja, “pedaços”, “fatias”. Enquanto a construção convencional baseia-se no erguimento das suas estruturas no local da construção, os métodos da construção modular são diferentes. Nela, os módulos são feitos fora do canteiro de obras, e só então levados prontos para o local, onde a junção de todos é realizada para formar a estrutura completa.

Atualmente, ela já está consolidada na Europa, nos Estados Unidos, na Austrália e também no Japão. Aqui no Brasil a construção modular ainda está em crescimento, tendo começado a ser utilizada recentemente e mais em galpões industriais e outras obras deste tipo. Um dos motivos para esse “atraso” por aqui é uma visão errônea de muitas pessoas, que têm preconceito com o método por achar que ele não oferece opções de projetos arquitetônicos fora do padrão — ocasionando, assim, uma obra feia.

Porém, isso não é uma verdade. Apenas os processos aplicados durante a fabricação e os materiais básicos de estrutura seguem padrões estritos. As dimensões, os acabamentos e a arquitetura da construção  podem, sim, ser personalizadas.

A primeira característica que vem à mente quando estamos falando da construção modular é, com certeza, a rapidez no processo. Afinal, montar os módulos prontos é inegavelmente muito mais rápido que erguer cada parede do zero no canteiro. Vale citar também que, para quem tem essa dúvida, os materiais usados para a construção de cada módulo, na maioria dos casos, são os mesmos da construção convencional.

 

Suas vantagens

Ainda que a alta velocidade do processo seja o maior benefício propiciado pela construção modular, ela não é o único. Como o desperdício de material no canteiro de obras deixa de ser uma realidade no processo, ela também promove uma boa economia, especialmente se considerarmos que o desperdício é um dos fatores que causa mais prejuízo em todos os setores construtivos.

Outro benefício que não pode deixar de ser citado também diz respeito à economia. Ao usar o método de construção modular, diminui-se drasticamente o risco de patologias na obra e, consequentemente, a necessidade de realizar reparações posteriores. Patologias e outros defeitos no geral são muito mais comuns na construção convencional.

Por fim, há o maior controle de qualidade obtido, já que os módulos são produzidos em uma escala industrial e só depois levados ao local. Além disso, este tipo de processo costuma ter o envolvimento de testes para confirmar a qualidade dos materiais produzidos, algo que não é possível nos canteiros.

 

Onde a construção modular pode ser aplicada

Por fim, a aplicação do método. Pouco adianta conhecê-lo e saber as principais vantagens que ele traz sem saber onde aplicá-lo. Como sua característica mais marcante é a rapidez na construção, ela tem sido muito utilizada para obras que precisam ficar prontas o quanto antes. É exatamente por este motivo que instalações comerciais (especialmente escritórios e lojas), que precisam iniciar a atuação em prazos curtos, são as que mais se beneficiam da construção modular. Contudo, como já falamos, todos os tipos de obras, inclusive residências, podem utilizar o padrão de construção modular.

Um prédio de 2000 m², por exemplo, pode ser construído em até 90 dias com a construção modular. Quando o assunto são as obras um pouco menores, este prazo fica ainda menor. Pequenos espaços, com cerca de 50 m², podem ficar prontos em um pouco mais de duas semanas. Para quem preza pela velocidade, não existe opção mais interessante.

 

E você, já conhecia a construção modular? Gostou das possibilidades que ela oferece? Ela pode, sem dúvidas, ser uma ótima oportunidade a mais de negócios. 

Caso tenha gostado deste texto e queira continuar recebendo nosso conteúdo, acompanhe a Tecnomor nas redes sociais! Você pode nos encontrar no Facebook e no Instagram.

NEWSLETTER

Receba nossas novidades e conteúdos por e-mail.